Tecnologia

Como os insumos agrícolas podem auxiliar na produtividade da sua cultura?

O agronegócio é um dos grandes pilares da economia brasileira. Em 2019, a soma de bens e serviços gerados no agronegócio chegou a R$ 1,55 trilhão ou 21,4% do PIB brasileiro. Para garantir a alta lucratividade e produtividade que o setor vem apresentando, o uso de insumos agrícolas é parte essencial de todo o processo, desde o planejamento até a armazenagem.

Para se ter uma ideia, sem a utilização de insumos agrícolas não seria possível alimentar a população existente no planeta, uma vez que a produtividade e qualidade das colheitas seria significativamente menor. Ou seja, eles são indispensáveis para o sucesso de qualquer plantação.

Com a competitividade crescente apresentada no setor, buscar insumos de qualidade, com alta tecnologia e eficiência é uma necessidade constante para os produtores, afinal é preciso acompanhar a evolução tecnológica no campo para garantir culturas cada vez mais produtivas e rentáveis.

 

Insumos agrícolas e produtividade: entenda a relação

A produção agrícola depende de uma série de insumos indispensáveis para o correto desenvolvimento de qualquer cultura, sobretudo de sementes, fertilizantes, defensivos e insumos biológicos.

Sem a aplicação desses insumos, não seria possível corrigir as deficiências nutricionais do solo; garantir o correto desenvolvimento das plantas; aumentar a lucratividade; dentre diversos outros problemas. 

Por isso, é preciso fazer o uso correto de insumos agrícolas e, mais do que isso, buscar insumos realmente eficientes e que atendam às necessidades da sua plantação. Entenda melhor como os tipos de insumos agrícolas podem contribuir para otimizar a produtividade.

 

Sementes

O avanço tecnológico tem permitido a criação de sementes com cada vez mais qualidade. semente possui atributos de qualidades genética, física, fisiológica e sanitária, o que lhe confere a garantia de um elevado desempenho agronômico.

Analisando todos os aspectos que estão envolvidos na qualidade da semente e seus efeitos na implantação e produtividade da cultura da soja, é de fundamental importância utilizar semente de alta qualidade e de origem conhecida. 

A utilização de semente de alta qualidade garante a população adequada de plantas, maior velocidade de emergência e de desenvolvimento das plantas, culminando no fechamento das entrelinhas rapidamente, o que resulta também no controle eficiente das ervas daninhas e evita a introdução de pragas antes ausentes na área.

Fertilizantes

Os fertilizantes, sejam minerais ou orgânicos, são compostos que desempenham função primordial no desenvolvimento das plantas: fornecem ao solo os nutrientes que elas necessitam para germinar e produzir folhas, sementes e frutos. 

O uso consciente e o emprego de fertilizantes de qualidade são uma das chaves para o aumento da produtividade agrícola e, consequentemente, a redução do custo dos alimentos. De forma geral, os fertilizantes apresentam grandes benefícios para a produtividade:

  • Ativam os mecanismos de defesa das plantas;
  • Melhoram as propriedades físicas do solo;
  • Melhoram a absorção da água pela planta;
  • Reduzem a erosão e outros impactos ambientais.

Insumos biológicos

Nos últimos anos, os produtos e soluções biológicas e naturais para a agricultura vêm ganhando destaque, fixando sua importância no agronegócio nacional. O uso dos insumos biológicos promove o uso de ferramentas complementares capazes de otimizar as aplicações e desempenho dos outros insumos e aumentar a sustentabilidade dos sistemas agrícolas.

Esses insumos também desempenham um papel fundamental na correção do solo, já que favorecem o equilíbrio do solo, promovem o aumento dos teores de matéria orgânica ao longo do tempo e auxiliam na recuperação de áreas ao contribuir com a disponibilidade de macro e micronutrientes essenciais para o crescimento das plantas.

Os biológicos ainda auxiliam na busca pelo equilíbrio do sistema produtivo, maximizando a produtividade ao mesmo tempo que em que preserva o meio ambiente e promove a segurança alimentar. Em suma, podemos citar 5 grandes benefícios que eles possuem para a produtividade agrícola:

  • Atingir novos patamares de produtividade;
  • Reduzir custos (como é o caso da fixação biológica de nitrogênio na soja);
  • Aumentar a eficiência da adubação e irrigação;
  • Reduzir as perdas de produtividade ao diminuir a pressão de seleção por pragas e doenças resistentes;
  • Aumentar a saúde do solo, valorizando um dos ativos mais importantes dos agricultores.

Defensivos

A agricultura tem o desafio de produzir cada vez mais sem aumentar áreas plantadas. O objetivo é alimentar a população crescente de forma sustentável. No entanto, em condições climáticas favoráveis, as pragas podem causar diferentes níveis de danos, desde leve redução na lucratividade até perda total da lavoura. Em muitos casos, podem causar sérios prejuízos que afetam tanto o produtor como o consumidor final.

Para resolver esse problema, existem várias técnicas de proteção contra pragas que são utilizadas pelos produtores rurais. Os defensivos agrícolas compõem uma dessas estratégias. Utilizados da forma correta, eles protegem a lavoura, evitando perdas no campo e escassez de alimentos.

Para amenizar os impactos ambientais, a recomendação é sempre a utilização do Manejo Integrado de Pragas, onde os produtos fitossanitários, químicos ou biológicos, devem ser empregados apenas quando necessários.

A Grão de Ouro Agronegócios é especializada no fornecimento de sementes, fertilizantes e defensivos de alta qualidade, com um portfólio de produtos das marcas líderes de mercado, para garantir mais produtividade e lucratividade à sua colheita. Conheça melhor nossa linha de produtos!