Culturas

Agricultor: conheça os principais desafios dessa profissão

A agricultura é um dos principais pilares da economia brasileira, representando cerca de 21% do PIB nacional e mais de 43% de todas as exportações do Brasil. Apesar de sua grande importância para o cenário nacional, o agronegócio brasileiro ainda precisa evoluir muito para reduzir os obstáculos que o agricultor ainda encontra no campo.

 

O avanço tecnológico e o desenvolvimento de novas técnicas revolucionou diversas práticas da agricultura e permitiu melhores resultados nas lavouras. No entanto, isso não significa que a agricultura brasileira esteja livre de desafios tanto para o pequeno quanto para o grande produtor.

 

Com o passar do tempo, a agricultura apresenta novas necessidades e demandas que precisam ser acompanhadas pelo agricultor para garantir maior produtividade e lucratividade em sua lavoura. Por isso, é importante que os produtores conheçam os principais desafios e busquem alternativas para superá-los a fim de conquistarem mais competitividade no mercado.

Os desafios do agricultor

Os desafios enfrentados pelo agricultor brasileiro podem ser divididos em cinco eixos importantes. A seguir, você confere os principais desafios e o que fazer para superá-los!

Clima

As condições climáticas sempre foram uma grande preocupação inerente à produção agrícola. Como trata-se de um fator impossível de ser controlado, muitos agricultores acabam tendo grandes prejuízos quando o clima apresenta mudanças que fogem da normalidade apresentada pela região.

 

Longos períodos de seca, grandes temporadas de chuva, geadas, granizos, dentre outras condições climáticas são grandes inimigas de uma produção de qualidade e, em casos mais graves, podem comprometer toda a lavoura.

 

Como superar: investir em tecnologias agrícolas permitem que as lavouras sejam arquitetadas para estarem preparadas para gerir riscos e mais propensas a lidar com os impactos de futuras mudanças climáticas. Além disso, é importante investir em sementes e insumos resistentes e que ajudem a reduzir os danos provocados pelas condições climáticas.

Mão de obra qualificada

Encontrar capital humano qualificado para as atividades no campo é um desafio crescente para o agricultor brasileiro. O forte êxodo rural diminuiu, significativamente, a mão de obra especializada em tarefas agrícolas, o que acabou reduzindo a quantidade de mão de obra disponível.

 

Além desse fator, a escassez de formação técnica qualificada para lidar com a modernização das ferramentas e novas tecnologias agrícolas também representam um desafio para o agricultor brasileiro.

 

Como superar: é importante que os agricultores busquem busquem subsídios e patrocínios para fomentar o salário dos trabalhadores e promover um maior incentivo para que eles permaneçam no setor. Investir em treinamentos e cursos profissionalizantes também é uma alternativa viável e que deve ser colocada em prática.

Competitividade

A competitividade, não somente no âmbito nacional, pode fazer com que o agricultor perca espaço no mercado e sofra redução em seus lucros. Grandes produtores agrícolas mundiais, como os Estados Unidos, estão  investindo cada vez em novas tecnologias para melhorar a produção.

 

Por isso, se o agricultor brasileiro não buscar alternativas para acompanhar o cenário mundial e aumentar a qualidade e produtividade de sua lavoura, ele passa a perder competitividade no mercado.

 

Como superar: o agricultor deve se manter atualizado sobre as novas técnicas e tecnologias utilizadas no campo, afinal a agricultura está em constante evolução. Desde a escolha da semente e dos insumos, técnicas de correção e manejo do solo até a colheita, armazenagem e transporte, é preciso buscar o que há de mais moderno para garantir maior competitividade.

Logística

Os desafios de logística dizem respeito aos altos custos de transporte e más condições dos portos e rodovias brasileiras. Como consequência, o desafio principal é que essas situações acabam encarecendo o valor do produto final, prejudicando tanto o produtor quanto o consumidor final.

Além disso, vale ressaltar que a armazenagem também representa um desafio logístico. A falta de uma estrutura eficiente de armazenamento acaba por comprometer a qualidade dos grãos e pode diminuir a lucratividade do agricultor.

Como superar: diante desse cenário, é importante que os produtores busquem meios alternativos de transporte, como trens e outras vias que não exigem custos elevados. No caso de exportações, o ideal é que o agricultor busque subsídios para reduzir o valor final da mercadoria. Também é importante investir em sistemas de armazenagem adequados para cada tipo de cultura.

Pragas e doenças

Mesmo com o avanço no desenvolvimento de agrotóxicos e pesticidas, a agricultura brasileira ainda sofre com uma série de pragas e doenças que atingem as lavouras. Ervas daninhas, por exemplo, representam uma ameaça para o desenvolvimento saudável das plantações e, em muitos casos, são resistentes a determinados herbicidas.

 

Se o agricultor não buscar meios eficientes para combater esses males, corre-se o risco de haver um comprometimento significativo na qualidade e produtividade da lavoura ou até mesmo perder toda a produção.

 

Como superar: A rotação de culturas, o circuito de herbicidas, a integração de diferentes métodos de controle e o monitoramento dos herbicidas após serem aplicados são algumas das formas eficazes. No entanto, a melhor maneira de evitar prejuízos é buscar produtos de qualidade e com alta tecnologia no combate à pragas e doenças.


 

Superar os desafios na agricultura fica muito mais fácil quando você conta com uma empresa especializada. O Grupo Grão e Ouro trabalha com ciência aplicada no campo, buscando incansavelmente, novos posicionamentos e manejos alternativos que ajudem os agricultores a enfrentarem os desafios diários da cadeia de produção agrícola, garantindo resultados sólidos e confiáveis. Entre em contato conosco e saiba como podemos te ajudar!